Tags

, , , , , ,

girl-2240876_640

Quando eu penso no amanhã,

Só vejo a vitória.

A derrota bem que tenta deixar de ser coadjuvante,

Mas eu não deixo, e nem vou deixar.

Eu é que mando,

E meu corpo obedece.

Sou o capitão desse navio,

E o vento sopra a meu favor,

Desde que eu imagine um amanhã vencedor.

 

Eu consigo!

Como pode uma declaração tão curta ser tão forte?

Eu consigo!

Sinto o meu corpo mais forte!

Eu consigo!

A força está comigo!

 

Neste lar, a derrota não tem vez.

Perdeu sua potência,

Sofreu erosão,

Desfaleceu,

E desapareceu.

Não existe mais no meu dicionário,

Nem no meu vocabulário.

 

EU CONSIGO!

 

 

Anúncios